Seja Bem Vindo, agora são:, do dia:
Ministérios
Bíblia
Entretenimento
Artigo

Não Plante Minas

Campo Minado

A revista ISTO É na edição de outubro de 2000 trouxe na reportagem de capa o título "Casamento em Risco".

A reportagem relata dados interessantes a respeito das relações dos casais no nosso país. A revista aborda que a ausência de diálogo é a principal causa do fracasso das relações. Infelizmente esta é uma realidade entre os casais!

O diálogo merece profunda atenção dos cônjuges. Percebemos que nem todos os casais entendem o que é dialogar. Alguns pensam que o diálogo é a simples exposição de insatisfações de maneira, muitas vezes, arrogante e prepotente. O diálogo entre o casal é algo que requer reflexão visando a busca de soluções em conjunto.

Outro aspecto importante no ato de dialogar é ter sempre em mente que o diálogo não consiste em falar compulsivamente, mas sobretudo em ouvir o outro. A Bíblia nos alerta sobre isto: “todo homem, pois, seja pronto para ouvir, tardio para falar... (Tg 1:19).

Entendemos que alguns casamentos experimentam a realidade de um "campo minado". Um campo minado, onde mágoas, rancores, desilusões, questões mal resolvidas estão enterrados, mas sempre prontos para explodir! Devemos tomar cuidado nas nossas relações para que a ausência do diálogo não nos leve a enterrar situações que devem ser trabalhadas. Isso se aplica a todas as áreas do relacionamento humano, não somente nas relações matrimoniais.

Normalmente, alguns casais por não terem a coragem de enfrentar seus conflitos, plantam uma espécie de "jardim" sobre o campo minado. Flores belas, plantas decorativas, mas cedo ou tarde uma explosão irá acontecer!

Bom seria que "minas" não fossem enterradas nas relações, uma vez enterradas, elas explodem e ao explodirem são dolorosas. Infelizmente temos presenciado situações em que "braços e pernas existenciais" já foram "amputados" no decorrer dos relacionamentos.

Obviamente, isto torna a recuperação difícil, lenta e delicada, mas cremos firmemente que quando o casal se dispõe a buscar a presença de Deus e reconhecer suas falhas, suas "minas", coisas extraordinárias acontecem.

Se você está no início do casamento, não deixe que "minas" sejam enterradas no solo da sua relação. Se você já enterrou "minas", não desanime, mas procure sabiamente desenterrá-las trabalhando situações mal resolvidas com o perito em questões de relacionamento, Deus, pois elas podem, de repente, explodir e causar muitos danos.



Autor: Por: Pr. Edvaldo Shamá

 Copyright © Comunidade do Evangelho Pleno | Todos os Direitos Reservados